Edição online semanal
 
Quarta-feira 16 de Janeiro de 2019  
Notícias e Opnião do Concelho de Almeirim de Portugal e do Mundo

Questões Oportunas

Na governação, em vez de terem algo a que se possa chamar política de habitação, deixam as rendas entregues ao sacrossanto mercado e subsidiam inquilinos em vez de eliminarem os especuladores, antes alimentando o parasitismo imobiliário e contribuindo assim para o próximo rebentamento da bolha.

O que cria os Bolsonaros
04-01-2019 - Redacção
O que cria os Bolsonaros é o eleitorado racista, fascista, machista e estúpido. O que cria os Bolsonaros é chamar racista, fascista, machista e estúpido ao eleitorado.
O que cria os Bolsonaros é a intolerância. O que cria os Bolsonaros é a apologia da violência. O que cria os Bolsonaros é o politicamente correcto.

Um funcionário público, servidor do Estado, dos cidadãos que lhe pagam o vencimento com os seus impostos, sempre que decidir faltar ao trabalho mancomunar-se com um colega para marcar o ponto

Em 1950, os britânicos reagiram com uma mistura de horror e desdém à proposta Comunidade Europeia do Carvão e do Aço, suspeitando de um complô francês para atrair um povo pragmático para algum projeto estrangeiro utópico. Os argumentos básicos contra a "Europa" não mudaram nada desde então, ao contrário das consequências de agir sobre eles.

O Bastonário da Ordem dos médicos, que é uma autoridade administrativa, embora não autoridade administrativa nem científica nestas matérias, veio defender que o Parlamento não podia deliberar sobre isso, por os técnicos ainda não se terem pronunciado. Quid juris?

Se dúvidas existissem sobre o que andamos a chamar à atenção, eis que um estudo revelado pelo jornal britânico The Guardian nos revela.
Um em cada quatro eleitores europeu vota em partidos populistas, que triplicaram a sua votação nos últimos 20 anos,

Este ditado bem português muito citado mas pouco praticado, na nossa sociedade temos muitos exemplos disso, o último ocorreu nas pedreiras de Borba, há 4 anos, sim 4 anos que os técnicos que sabem da matéria tinham avisado que a estrada

Um deputado que se balda não é nada perante o empobrecimento da plebe em curso e o caráter não democrático do regime.

A democracia cada vez está mais afastada da "democracia representativa, ou de mercado. Não há democracia onde preponderam os interesses do sistema financeiro, das multinacionais, por ação/inação das classes políticas. A democracia, precisa ser reconstruída, a partir da base.

Ainda Tancos………
02-11-2018 - Redacção
Já como lhes escrevi nunca Tancos esperava ficar na História pelos piores motivos. De acordo com as ultimas informações afinal o Ministro da Defesa sabia do memorando, o Primeiro-Ministro apressou-se a dizer que não conhecia nada sobre essa matéria, assim como o Presidente da República.

 

Próxima Última

 

 

Voltar 

Subscreva a nossa News Letter
CONTACTOS
COLABORADORES
 
Eduardo Milheiro
Cordenador
Marta Milheiro
   
© O Notícias de Almeirim : All rights reserved - Site optimizado para 1024x768 e Internet Explorer 5.0 ou superior e Google Chrome